12
Mai 13
publicado por Tempos Modernos, às 09:46link do post | comentar

 

(Foto: dinheirovivo.pt)

 

Marques Mendes vai matando saudades do seu já longínquo passado enquanto alegado produtor diário de alinhamentos de telejornal. Transferido recentemente da TVI24 para a SIC, o conselheiro de Estado, antigo ministro de Cavaco e antigo presidente do PSD, dá notícias, cria factos. Alimenta uma agenda, o estatuto de recrutável no mercado comentocrático da comunicação social.

 

Depois de ter anunciado a convocação para breve do Conselho de Estado - Manuel Alegre, seu parceiro no órgão de aconselhamento do Presidente da República, afirmou desconhecer qualquer convocatória, mas o também conselheiro Marcelo Rebelo de Sousa, talvez para não ficar atrás de Mendes, confirmou a intenção de Cavaco, que, entretanto, afirmou que o marcaria quando fosse útil -,  Marques Mendes descobriu em Vítor Gaspar um perfil de comissário europeu.

 

E porque não? Há muito que o país se habituou a ver figuras sem grande préstimo alçadas aos mais cobiçados lugares. Gaspar seria mais um no  rol infindável de personalidades menores, de desconhecidas virtudes cívicas e méritos discutíveis, premiadas com colocações de sonho.

 

Até poderia lá ser posto pelos seus. Mas, num sítio asseado, o PS, em aparente corte com o passado e por conta do qual corre a sucessão governativa, alertaria para a remoção logo que possível.

 

Infelizmente, o exemplo recente  da Islândia, onde os responsáveis voltaram ao local do crime, baixa ao menos as expectativas quanto ao futuro.


mais sobre mim
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

16
18

19
21
22

27
28


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO