14
Set 13
publicado por Tempos Modernos, às 14:40link do post | comentar

"O «critério jornalístico» é tão-somente aquilo que é decidido por quem tem poder de dizer que é «critério jornalístico», sem ter de se justificar: é uma espécie de carisma recebido não de uma língua de fogo descida dos céus mas de uma reconfortante carícia do patrão no cachaço.


O mais das vezes são razões de emergência comercial ou de planos de conveniência económica para negócios que nem sequer precisam de ter que ver com a subsistência do órgão de informação.


«É o mercado! É o mercado», esganiçava-se há dias um propulsionado jovem multicomentarista político, para se pronunciar sobre a cobertura das eleições, como se escolher representantes fosse uma espécie de lota de dizer «chui»".


Nota: A separação por parágrafos é minha.


mais sobre mim
Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12

16
19
20
21

22
23
24
25
26
27

30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO