01
Abr 14
publicado por Tempos Modernos, às 10:54link do post | comentar

Tenho escassas esperanças no civismo rodoviário dos portugueses.

 

Ontem apanhei boleia e naquele escasso lapso temporal em que o sinal dos automóveis está quase a passar a verde, já um peão acabado de chegar à passadeira carregava entusiasmado no botão para colmatar os tempos de espera demasiados longos.

 

E estou sempre a ver artistas do género. Não esperam um segundo que seja. É chegar e usar. E o pior é que nem todos estes botões têm efeito placebo.

tags:

Eu por acaso, tenho um problema contrário: já são várias as vezes que estou numa passadeira para atravessar (aqui não há sinais luminosos) e os automobilistas, apressados, ou não param e pedem desculpa depois de já terem passado, ou param com grande sacrifício e, mal damos 2 ou 3 passos, já estão a ver por onde se podem encolher para seguir viagem. Principalmente, na zona de escolas em horário de entrada das crianças.
marta-omeucanto a 1 de Abril de 2014 às 16:59

+1 aqui (que também já foi quase-atropelado uma série de vezes)
Pedro a 1 de Abril de 2014 às 17:05

mais sobre mim
Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO