04
Jun 12
publicado por Tempos Modernos, às 15:57link do post | comentar | ver comentários (1)

 

... vá contando com a necessidade de ter de trabalhar pelo menos mais uns dois anos depois de ter morrido.


publicado por Tempos Modernos, às 09:29link do post | comentar | ver comentários (1)

 

Vasco Pulido Valente escreve bem.

 

Depois terá estado seis meses em Oxford, o que para o indígena parvenu justifica qualquer carreira.

 

Infelizmente, incapaz de fugir ao ego, à zanga, transfere para as análises não realismo pessimista, mas auto-estima arrasada.

 

Mas isso é só problema dele.

 

O nosso é que cai demasiadas vezes na armadilha das falácias e há quem o leve a sério.

 

Mais coisa, menos coisa, em defesa de Christine Lagarde, na sexta-feira, despachou que a Europa Ocidental (aquilo que Vasco gosta de arrumar na categoria esquerda bem-pensante) se está borrifando para as crianças do Níger.

 

Não é bem assim. Pulido Valente estará. Tal como o estará Christine Lagarde, directora-geral do Fundo Monetário Internacional, que não paga impostos mas exige que os gregos pobres os paguem.

 

Ninguém minimamente informado acredita que as preocupações de Christine Lagarde com a fome em África ou os miúdos sem cadeiras nas escolas do Níger sejam legítimas e consequentes. A instituição tem feito muito pela destruição das economias africanas.

 

Que nenhum dos dois seja capaz de perceber que a nigerização europeia não risca um fósforo no fim da pobreza no mundo é parte substancial da tragédia.


mais sobre mim
Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
14
15
16

17

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO